Welcome to my blog :)

rss

terça-feira, 20 de julho de 2010

Direitos e bla, bla, bla...

Boa tarde Srs. Defensores dos Consumidores!

Pretendo apresentar uma reclamação por insulto, ameaça, ofensa verbal, tentativa de ludíbrio e ainda ser ressarcida pelo tempo que despendi sem necessidade na resolução de problemas que, caso tivesse existido algum tipo de cooperação, teriam sido rapidamente solucionados. Todas estas situações tiveram lugar no mesmo estabelecimento e repetem-se constantemente, sem que haja qualquer tipo de solução aparente, pelo que espero que me possam ajudar.

Mais informo que não me foi facultado o livro de reclamações, nem tão pouco disponibilizada uma linha telefónica onde pudesse expor este problema. Tendo em conta os danos morais, assim como a agressão psicológica de que sou alvo diariamente, julgo ser viável o avanço para as instâncias judiciais, de forma a por termo a esta situação que, com o tempo só se tem vindo a agravar, pois os referidos “ofensores” se acham detentores de cada vez mais direitos.

Gostaria de saber de que forma posso processar um número indeterminado de pessoas que entram diariamente no meu local de trabalho levando como bandeira os direitos dos consumidores e que, por isso, ofendem, são “ordinárias”, mal-educadas, mal-formadas e por vezes até mal-cheirosas e que, a qualquer momento em que tentamos falar, se não for de encontro ao que pretendem, já se estão a achar lesadas e que estamos a violar os seus direitos.

Tendo em conta que não existe nenhuma defesa dos “consumidos” (quem lida como o público, em geral), resta-me recorrer a quem melhor que ninguém (supostamente) entende de “direitos”. Afinal, depois de tudo isto, ter ainda de manter o “sorriso colgate”, é complicado. Como tal, não pretendo nada de extraordinário, apenas ser indemnizada por danos morais e falta de cooperação explícita.

Agradeço desde já a atenção dispensada e aguardo resposta,

Cumprimentos,

NonSense (“consumida” deprimida)

1 comentários:

Quinteto disse...

Já tinha tentado comentar, mas não consegui...
Quero dizer-te que ainda há dias endereçei directamente à ASAE uma reclamação de um serviço n Internet, já que é a ela que lhe compete a fiscalização dos Livros de Reclamações. Estou farta de engolir sapos :(

Bjssss

Enviar um comentário